Imprensa‎ > ‎SCAINews‎ > ‎Ago2014‎ > ‎

O Capital que você precisa - por Daniel Schnaider

O capital que você precisa

Por Daniel Schnaider

Há algum tempo fui responsável pela avaliação de investimentos em empresas para uma grande firma de tecnologia que, naquele momento, tinha aproximadamente 15 bilhões de dólares disponíveis. No começo, recebemos informações sobre três mil empresas. Eram apenas algumas páginas que resumiam o histórico de cada empresa, seus produtos e executivos.


Filtramos duas mil empresas que não nos pareciam ter sinergia com o órgão investidor, ou que não havia maturidade suficiente por parte dos executivos ou de seus produtos.


Das mil restantes, me encontrei pessoalmente com seiscentas delas. As outras foram entrevistadas por diferentes integrantes de nossa equipe. Estudamos seus sócios, hierarquia, processos, departamentos de pesquisa e desenvolvimento, o produto, marketing, patentes, mercado, conversamos com clientes da empresa e, claro, não só os relatórios financeiros, mas todas as previsões e as formas que foram usadas para calculá-las.


Deste grupo restante de mil empresas, apenas cem receberam investimentos. Quatro empresas foram compradas. Moral da estória, receber investimento é algo extremamente difícil.


Ao entender esta dificuldade desenvolvemos um serviço que se chama SCAI Organização do Futuro, que visa usar este conhecimento específico de quem sempre analisou empresas que precisam de recursos a conseguir este tão desejado capital. O nome Organização do Futuro foi escolhido porque a decisão de investimento não trata da empresa hoje, mas o que o conjunto de pessoas, marca, produto/serviço e capital pode conseguir no futuro.


Acontece que as razões pelas quais não podíamos recomendar as empresas enquanto representávamos o investidor persistiam. Não basta estar em um bom mercado, ter um bom produto e ter uma excelente apresentação. Remanesce a pergunta da qualidade do líder que irá executar o seu plano. Líder, plano e execução, são as palavras-chave.  


De fato, as empresas que recebiam investimentos tinham líderes que já haviam comprovado que conseguem desenvolver um plano e executá-lo com eficiência.


Hoje na SCAI Group temos diversos casos de clientes que precisam de reestruturação de dívidas, investimento e capital externo para que suas operações continuem ou se desenvolvam.


Uma vez que já temos um histórico de sucesso de liderança, plano e execução na reestruturação de empresas, os fundos não esperam que a empresa contrate uma consultoria para criar um mero plano de negócios. Eles querem o envolvimento ativo na liderança, planejamento e execução.


Consultei-me com colegas de outras consultorias que afirmaram o que até o momento era apenas um sentimento; a estrutura do mercado está mudando! O consultor empresarial não é mais o coadjuvante com boas ideias e muita experiência. “Ou faz ou dá espaço para quem sabe fazer” é a concepção do momento.  


Seja você uma startup que está precisando de capital para o desenvolvimento e marketing do seu produto, ou uma empresa média ou grande que precisa de capital para uma nova planta, refinanciar dívidas, aquisições, compra de materiais etc. A sua necessidade de recursos é real, mas o que interessa ao investidor é como seu capital irá retornar. E com lucro.


Eles, os investidores, estarão mas confortáveis se tiverem na sua empresa o líder que comprovadamente planejou e executou o plano. Este é o caminho para que você tenha o capital que sua empresa tanto precisa.



Comments